Agora você sabeCripto News

A Americanas já faliu! Se conforma que dói menos!

A lojas Americanas já faliu! Se conforma que dói menos! O que você precisa saber!!!
A lojas Americanas já faliu! Se conforma que dói menos! O que você precisa saber!!!
  • A americanas já faliu, já faliu, já faliu
  • A americanas já faliu, já faliu!
  • Valos lá, de novo (…).

Brincadeiras à parte!

A Americanas já faliu. Só não vê quem não quer. O que é mais engraçado é que o trio de empresários: Carlos Alberto Sicupira, Jorge Paulo Lemann e Marcel Herrmann são donos de uma fortuna estimada em 150 bilhões de reais, segundo a revista Forbes.

(foto da direita para a esquerda) Carlos Alberto Sicupira, Jorge Paulo Lemann e Marcel Herrman
(foto da direita para a esquerda) Carlos Alberto Sicupira, Jorge Paulo Lemann e Marcel Herrman

Carlos Alberto Sicupira (direita) tem uma fortuna estimada em US$8,8 bilhões de dólares ou 50 bilhões de reais (dependendo do dia da cotação do dólar)

  • Marcel Herrmann (esquerda) tem uma fortuna estimada em US$10,8 de dólares ou 56 a 60 bilhões de reais (dependendo do dia da cotação do dólar).
  • Jorge Paulo Lemann (centro) tem uma fortuna estimada em US$16 bilhões de dólares ou 72 bilhões de reais (dependendo do dia da cotação do dólar).
  • Os três juntos somam uma fortuna estimada em 150 bilhões de reais. A dívida das Americanas é de aproximadamente 44 bilhões de reais.

Ou seja, se o trio quisesse acabar com essa crise bilionária os três poderiam fazer isso em um estalar de dedos, certo.

Cada um deles poderia dar 14,6 bilhão da sua fortuna pessoal e pronto. Problema resolvido. Certo?

Certo!

Americanas já faliu! Se conforma que dói menos! O que você precisa saber!

O que você precisa saber!

O problema é que eles não querem!

Os magnatas do comércio brasileiro preferem procurar algum ou alguns empresários(s) idiotas que ponham dinheiro na empresa do que os lindinhos tirarem dinheiro dos seus próprios bolsos para salvar a empresa e, consequentemente, salvar milhares de empregos. 

Isso sem contar que essa tal de “recuperação judicial” é apenas uma artimanha empresarial para fugir dos credores. Ou seja, não vai resolver nada porque eles não querem resolver. Simples assim!

Leia: Justiça aceita pedido de recuperação judicial das Americanas

Prova disso é a OI. A empresa entrou em recuperação judicial em 2017, saiu agora em dezembro e já está pedindo outra recuperação judicial.

A Americanas já faliu. Só não vê quem não quer!

No entanto, os empresários, microempresários e diversos fornecedores de produtos e serviços que tem ou possuam alguma parcerias com a Americanas, esse pessoal vão falir primeiro, ocasionando um efeito dominó sem precedentes no caminho. Ou seja, desemprego, desemprego e mais desempregos.

Como desgraça pouca é bobagem, uma lei que pode ser aprovada no primeiro semestre deste ano pelo STF pode favorecer a falência das lojas Americanas. A lei prevê a proibição de demissões; há não ser por justa causa.

Ou seja, essa lei idiota vai causar uma insegurança trabalhista e afugentar qualquer empresário que estava cogitando a possibilidade de investir no Brasil e, porque não, salvar a varejista da eminente falência.

Digo mais: Se você é empregado da lojas Americanas acesse já o aplicativo do FGTS e veja se ao menos a empresa está depositando o seu fundo de garantia porque, caso não esteja, meus parabéns, nem o seguro desemprego você vai conseguir receber.

Boa sorte a todos que dependem das lojas Americanas, porque vão precisar muito.

Enquanto o trio de bilionários: Carlos Alberto Sicupira, Jorge Paulo Lemann e Marcel Herrmann, não se preocupe, eles vão ficar bem nas suas mansões fora do Brasil comendo caviar e arrotando lagosta, porque no final das contas, como diz aquele velho ditado: “A corda sempre arrebenta no lado mais fraco” – e o lado mais fraco é a classe trabalhadora que não tem nada haver com esse escândalo empresarial.

Boa sorte a todos!