Bakkt é adiada novamente!

Bakkt é adiada novamente! Uma nova novela vem aí???

A Intercontinental Exchange (ICE), administradora da Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), que irá controlar a Bakkt anunciou ao portal Coindesk que adiou novamente o início de suas operações de contratos futuros custodiados com bitcoin. Clique aqui e saiba mais!

Kelly Loeffler, CEO do Bakkt, ainda não divulgou a nova data do início das suas operações!

A justificativa é que a plataforma não recebeu a tempo a autorização da CFTC (Comissão de Negociação de Futuros de Commodities) para operar.

Tem mais: mesmo que a agência reguladora tenha interesse em aprovar as operações da BAKKT em 24 de janeiro, devida as festividades de final de ano, o órgão não tem tempo para analisar TODOS os comentários. Ou seja, o tempo é curto!

Leia: Bomba: Lançamento da Bakkt é adiada para 2019! E agora???

A CFTC também inclui em suas regras, a necessidade para que fundos de clientes sejam mantidos em companhias de confiança, bancos ou comerciantes de comissões de futuros (FCM) e a Bakkt deverá receber uma isenção para poder realizar a custódia de bitcoins em nome de seus clientes.

Curiosidade: A CFTC (Comissão de Negociação de Futuros de Commodities) é o mesmíssimo órgão que aprovou as operações de contratos futuros de bitcoins na CME Group e na CBOE (Chicago Board Options Exchange) no final de 2107, causando aquela Bull Ran espetacular.

Adiação atrás de adiação. Nova novela vem aí?

Quando a Intercontinental Exchange (ICE) anunciou que iria criar a Bakkt e que a NYSE (New York Stock Exchange), maior bolsa de valores do mundo, iria operar contratos futuros de bitcoins de forma custodiada, essa notícia foi a mais fodástica da Via Láctea.

No entanto, 2018 acabou e o que poderia salvar o mercado de criptoativos ficou para 2019. Ou seja, só promessas!

O problema é que essa é a terceira vez que a estréia da Bakkt é postergada (adiada). Confira:

  • O primeiro aviso iria acontecer em 4 de novembro (18)
  • O segundo aviso iria aconteceu em 12 de dezembro (18)
  • O terceiro aviso aconteceu em 24 de janeiro (19)
  • E agora a promessa é para o dia ??? (19), é claro!

Nossa opinião!

Quando a (ICE) anunciou o adiamento da Bakkt – de 12 de dezembro para 24 de janeiro – a Kelly Loeffler, CEO da Bakkt, afirmou através do seu post no site medium – que o adiamento da plataforma para nova data (24 de janeiro) foi devido à alta demanda. (leia na íntegra!)

Resumindo o assunto: Loeffler e CIA adiaram o lançamento devido à alta procura. Ou seja, ela viu que a plataforma não iria dar conta do recado e resolveram adiar a estréia das suas operações.

Quando lemos isso, achamos incrível, porque, vamos pensar um pouco: se uma plataforma adia a sua estréia por saber que não vai dar conta do recado é porque há sim, uma gama de investidores institucionais querendo investir nesse tipo de ações ou ativos!

Outra coisa interessante que aconteceu no mercado é que, durante uma entrevista para o programa, Crypto Trader da CNBC, o CEO e fundador da One Alpha, Yaniv Feldman, afirmou que a Fidelity Digital Assets terá mais influencia do que a própria Bakkt.

Leia: Bakkt fez seu primeiro anúncio que levará o mercado de criptoativos a outros patamares!

Porque a ETF da CBOE tem 99,99% de ser aprovado pela SEC!!!

Ou seja, ambas as plataformas nem começaram a operar e já estão disputando para ver qual vão trazer mais investidores institucionais para o mercado. Ou seja, uma verdadeira briga de baleias!

No entanto, para que o mercado de criptoativos comece a ter uma reversão e a tão sonhada Bull Ran possa acontecer, essas plataformas tem que, de fato, entrarem em operações, e a primeiro a entrar em operação deveria ser a Bakkt, cujas suas operações deveriam está acontecendo dês do dia 4 de novembro.

Leia: 2018 já é considerado o pior ano para o mercado de criptoativos! O que esperar de 2019???

As postergações da Bakkt nos lembra muito a novela das ETFs da SEC, cujo último capitulo será no dia 27 de fevereiro. Só esperamos que até lá, a Bakkt já tenha entrado em operação.

Quem viver, verá!