Feijão e bitcoin: Como funciona a adoção da criptomoeda na economia em El Salvador?

Como funciona na prática a economia ao adotar o bitcoin como moeda?
Como funciona na prática a economia ao adotar o bitcoin como moeda?

Outro dia estava navegando nas redes sociais quando me deparo com a seguinte pergunta de um usuário: Se o btc sobe e desce todo dia significa que os preços de um pacote de feijão, por exemplo, vão variar junto com o btc?

O usuário em questão está se referindo a El Salvador, um paizinho que fica no meio da américa central que recentemente adotou o bitcoin como moeda oficial do país

Pois é: Eu li algumas respostas dos usuários. Algumas foram esclarecedoras, mas faltava alguma explicação mais lógica. Outras respostas deixavam mais dúvidas do que a própria pergunta e outras respostas eram de derreter o cérebro.

Então, para resumir o assunto: Decidi fazer este vídeo que deve ser esclarecedor. A dúvida em questão é mais simples do que você imagina. Veja o vídeo:

Como funciona a economia ao adotar o bitcoin como moeda?

Ou continue lendo o post:

O preço do feijão será o mesmo, o que muda será a forma de pagamento. Neste caso, a quantidade de satoshis que você vai pagar irá mudar na hora de pagar pela compra do feijão.

Lembrando que El Salvador usa também o dólar como moeda oficial. Sendo assim, o país tem duas moedas: o dólar americano e o bitcoin.

No entanto, o preço dos produtos usa o dólar como preço de referência e, na hora de pagar pelo respectivo produto ou serviço, os salvadorenhos têm a opção de usar o dólar americano ou o bitcoin.

Vou demonstrar na prática como é feito o pagamento usando a nossa moeda, o Real brasileiro. 

Exemplo na prática:

O feijão Kicaldo na minha região está custando R$7,69. No momento em que este post está sendo redigido o bitcoin está custando US$46,920,00 ou R$244.567,00 no mercado basileiro com o dólar cotado a R$5,22.

Portanto, o kilo de feijão em bitcoins vai custar exatos: 0,00003144 na data de hoje, 14/09/2021.

Agora, se eu deixar para comprar o feijão dois dias depois – 16 de setembro, neste dia, por ventura o bitcoin subiu para para US$48.121,00. O preço do feijão continuará custando R$7,69 – a diferença é que neste dia você vai gastar menos satoshis para comprar o mesmo quilo de feijão. 

Ao invés de você pagar 0,00003144 satoshis você vai pagar 0.00003066 satoshis pelo mesmo kilo de feijão que custa R$7,69. A diferença é que graças a essa pequena subida do bitcoin a quantidade de satoshis que eu vou usar para pagar pelo quilo de feijão será menor. Vou economizar 78 satoshis de bitcoins!

Também pode acontecer do bitcoin cair e você gastar mais satoshis para comprar o mesmo quilo de feijão. E foi exatamente isso que aconteceu no dia 20 de setembro!

Leia o post ou veja o vídeo: Evergrande já faliu! Se conforme que dói menos!

Neste dito dia, graças ao possível colapso da economia da China por conta da Evergrande ( veja o vídeo Plantão Cripto #38) o ativo digital caiu para US$42.326,00

Portando, o pacote de feijão que custa R$7,60 e em frações de bitcoins custava 0.00003066  satoshis no dia 16/09/2021, vai custar agora 0,00003360 – graças a essa queda do bitcoin devido a crise na China vou pagar 216 satoshis de bitcoins para comprar o mesmo quilo de feijão que custa R$7,69.

Lembrando que o preço do feijão usa a moeda local como referência e apenas na hora de pagar é que o usuário – consumidor – irá escolher se quer pagar com a moeda local ou bitcoin. 

O fato é que no médio e longo prazo ao usar o bitcoin o seu poder de comprar sempre será maior porque a moeda digital é escassa, finita e deflacionária, e isso irá fazer você obter um poder de compra muito maior.

Papel moeda e a inflação: O bitcoin é a solução!

A nota de R$200 reais valia exatos 0,003 frações de bitcoins e, hoje, menos com essa queda, o seu poder de compra em bitcoins é muito maior.
A nota de R$200 reais valia exatos 0,003 frações de bitcoins e, hoje, menos com essa queda, o seu poder de compra em bitcoins é muito maior.

No dia 2 de setembro de 2020 o Banco Central brasileiro lançou o seu novo papelzinho colorido lastreado em honestidade de políticos: a nota de 200 reais. Na época, a corretora Mercado Bitcoin lançou esse meme (foto).

A nota de 200 reais valia 0,003 frações de bitcoins – ou exatos 0,00323601 satoshis.

Hoje, no momento em que este vídeo está sendo gravado (14/09/2021), se a pessoa tivesse comprado esses 200 reais em frações de bitcoins (0,00323601) iria dá R$790,05. Mesmo que o bitcoin tenha caído de 65 mil para 47 mil dólares você ainda está no lucro.

Isso significa que mesmo na queda, a médio e longo prazo o bitcoin, além de ser uma ótima reserva de valor, o ativo digital aumenta e muito o seu poder de compra. Enquanto o seu papelzinho colorido lastreado em honestidade de políticos vai sendo corroído pela inflação. 

Isso sem contar que, caso o comerciante queira converter o bitcoin para dólar para escapar da volatilidade do bitcoin ele pode fazer isso tranquilamente, já que o aplicativo que é usado em El Salvador permite realizar essa conversão.  

Nayib Bukele e a capa do jornal - Diario El Salvador. O dia em que El Salvador entrou para história do mundo moderno quando aprovou o bitcoin como moeda oficial do país.
Nayib Bukele e a capa do jornal – Diario El Salvador. O dia em que El Salvador entrou para história do mundo moderno quando aprovou o bitcoin como moeda oficial do país.

Ou seja, o comerciante de El salvador – apesar dele ser obrigado por força de lei de aceitar bitcoins, já que a cripto se tornou moeda oficial do país – ele não é obrigado a manter o ativo digital em sua posse, ele pode converter para shitcoin americana que os estatistas conhecem como dólar.

Nada melhor do que uma crise para vermos o potencial da verdadeira moeda, que é o bitcoin e, essa crise, está mais próxima do que você imagina.

Leia: Se você não quiser passar fome, compre bitcoin URGENTE!!!

No segundo exemplo, no dia 23 de fevereiro de 2017 eu publiquei este post: Adotando o Bitcoin como forma de pagamento pode ser benéfica para o consumidor e o comerciante!

Naquela época o bitcoins estava cotado a US$1.022,00.

Então eu fiz a seguinte simulação: Gás de cozinha que na época custava 

  • R$55,99 ou 
  • US$ 16,87 – equivalente a 
  • 0,01642456 frações de bitcoin.

Se eu tivesse guardado esses 0,01642456 frações de bitcoin iria render R$$4.009,93.

Mesmo que o gás na minha região esteja custando R$89,90 eu poderia comprar 44 botijões de gás.

Então, mesmo que El Salvador tenha meio que obrigado os comerciantes a aceitarem o bitcoin por força de lei, assim que as pessoas souberem o quanto é valioso o seu poder de compra a adoção do bitcoin não só em El Salvador, mas no mundo será inevitável. 

Porque, no final das contas, ninguém quer perder dinheiro e é exatamente isso que está acontecendo caso você continue usando esse papelzinho colorido lastreado em honestidade de políticos que você conhece como dinheiro.

No dia 20 de setembro, a possível bolha chinesa estourou! A Evergrande, a maior empresa imobiliária chinesa corre risco de dar um calote e isso fez os mercados derreterem ao redor do mundo. Querendo ou não, esse impacto também afeta o mercado cripto, visto que o mercado ainda vê o bitcoin como investimento de risco. 

Este vídeo prova por A + B que, apesar da volatilidade do preço do bitcoin, no médio e longo prazo o bitcoin é sim, uma reserva de valor e aumenta o seu poder de compra, enquanto as moedas fiduciárias pelo mundo viram pó devido a impressão infinita de dinheiro em honestidade de políticos.

Boa sorte e bons negócios!